Início / policia / Arsenal apreendido pela Rocam era usado em guerra de líderes da FDN

Arsenal apreendido pela Rocam era usado em guerra de líderes da FDN

As armas de fogo de grosso calibre,apreendidas na noite desta sexta-feira pela Ronda Ostensiva Cândido Mariano, pertenciam ao arsenal do traficante de drogas Gelson Carnaúba, um dos líderes da facção criminosa Família do Norte (FDN). As informações são do capitão da Polícia Militar Renan Carvalho. 

Prisões foram efetuadas na noite da sexta-feira (Divulgação)

As armas  estavam sendo usadas pelo gerente e soldados do tráfico para fazer as segurança das bocas de fumo e impedir que a área fosse invadida por traficantes rivais que trabalham para o traficante João Pinto Carioca o “João Branco”. A guerra entre Carnaúba e João Branco já motivou até novas matanças no sistema prisional do Estado.

Ao todo foram apreendidas nove armas sendo duas escopetas, uma mini-metralhadora, quatro pistolas e dois revólveres calibre 38, 46 munições de calibre diversas, duas granadas, além de três rádios comunicadores, coletes a prova de bala e celulares. “Essas armas eram de alto poder de fogo. Acreditamos que com a apreensão delas conseguimos evitar muitas mortes”, disse Carvalho. Um soldado da Marinha e ex-armeiro era o responsável por guardar e fazer a manutenção delas.

Conforme o capitão, a polícia chegou ao bando depois denúncia de um taxista que na noite de quinta-feira foi pegar uma corrida no final da rua e foi recebido a bala. “Eles imaginavam que tratava-se de um traficante rival e a ordem de Carnaúba era para não deixar ninguém entrar, principalmente carros desconhecidos”, afirmou ele. (A CRÍTICA)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Powered by keepvid themefull earn money