Início / Saúde / Atendimento no Pronto-Socorro Delphina Aziz cresceu 11%

Atendimento no Pronto-Socorro Delphina Aziz cresceu 11%

A procura por atendimento no Pronto-Socorro do Hospital Delphina Rinaldi Abdel Aziz, uma unidade da Secretaria Estadual de Saúde (Susam), aumentou em 11,4% entre 2015 e 2016. Administrado pelo Instituto de Medicina, Estudos e Desenvolvimento (Imed) desde a inauguração em 2014, a unidade se destaca no atendimento humanizado, assistência segura ao paciente e capacitação dos colaboradores.

O Delphina Aziz conta com atendimento de urgência e emergência 24 horas por dia nas especialidades de pediatria, clínica médica e cirurgia em geral. Foram 181,9 mil atendimentos realizados em 2016 e 163 mil em 2015. Do total de atendimentos no ano passado, 54,3% foram na área de clínica médica, 38,5% na pediatria e 7,2% na cirurgia geral.
Na área do diagnóstico, a unidade realizou 26% exames a mais que em 2015. O Delphina Aziz conta com exames laboratoriais, raio-x e eletrocardiograma 24 horas por dia. Dispõe, ainda, de ultrassonografia para pacientes internados.
Em 2016, o Delphina Aziz registrou 3,7 mil internações. Para otimizar o uso da estrutura da unidade, o número de eleitos foi aumentando em mais de 20%, passando de 52 para 63. Em relação à resolutividade dos casos de pacientes internados, 66% foram resolvidos com êxito dentro da estrutura da unidade, ou seja, os pacientes receberam alta para residência. Outros 26% dos pacientes foram transferidos em virtude da necessidade de serviços adicionais aos atuais serviços não disponíveis no pronto-socorro.
Satisfação do usuário – “A opinião de quem procura atendimento da unidade é aferida por meio de pesquisa de opinião. Em caso de reclamações ou sugestão de melhoria, pacientes ou acompanhantes recebem retorno por telefone em até cinco dias”, destaca o diretor administrativo do Delphina Aziz, Remídio Vizzotto Jr. A média de pacientes satisfeitos em 2016 foi de 95,9%, ano em que mais de 43 mil pesquisas foram respondidas.
O desempenho da unidade está ligado, também, à capacitação constante dos colaboradores que, em 2016, participaram de mais de 137 treinamentos. Contabilizando em tempo, foram mais de 14,3 mil horas de cursos.
Em relação ao número total de atendimentos em 2016, 181,9 mil, os dados mostram que 63,9% dos pacientes eram da zona norte de Manaus. O percentual comprova que a localização da unidade é um acerto do Governo do Amazonas. Outros 29% dos pacientes atendidos em 2016 eram moradores da zona oeste. O Delphina Aziz está localizado na Torquato Tapajós, limite entre as zonas norte e oeste de Manaus. Em 2016, 543 pacientes atendidos eram residentes de outros municípios do interior do Amazonas. A maior parte veio de Manacapuru (128) e Itacoatiara (118).
Tratamento por multiprofissionais – No perfil de atendimento no Delphina Aziz, o tratamento do paciente tem uma abordagem multidisciplinar: médicos, enfermeiros, técnicos de enfermagem, nutricionistas, farmacêuticos, assistentes sociais e fisioterapeutas. Essa abordagem agrega qualidade ao serviço oferecido porque o paciente se recupera mais rápido, melhora o prognóstico e diminui as chances de complicações do próprio tratamento.
O setor de Fisioterapia, por exemplo, realizou, em 2016, o total de 12,8 mil atendimentos. As sessões durante a internação contribuem para a recuperação mais rápida de pacientes e podem evitar o agravamento de doenças.
A Nutrição realizou mais de 3,7 mil triagens nutricionais nas primeiras 12 horas de internação. Na unidade, a dieta não é uma simples oferta de alimentos, mas uma coadjuvante no tratamento clínico, uma terapia nutricional.
A equipe de Farmácia fez mais de 14 mil visitas aos pacientes durante a internação para acompanhar como estavam reagindo aos medicamentos. Validou mais de 13 mil prescrições feitas pelos médicos e orientou mais de 2 mil pacientes para continuarem o tratamento medicamentoso após a alta da internação.
O Serviço Social realizou 1,6 mil consultas sociais. Essa consulta ocorre quando os pacientes procuram o Delphina Aziz, mas não têm perfil de atendimento de pronto-socorro – urgência e emergência. O Serviço Social orienta onde os usuários devem buscar o atendimento adequado.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Powered by keepvid themefull earn money