Início / Cultura / “Faxina Geral” vence o III Festival de Marchinhas da Banda do Jaraqui

“Faxina Geral” vence o III Festival de Marchinhas da Banda do Jaraqui

Muita crítica e irreverência com os políticos locais nas composições que concorreram no III Festival de Marchinhas da Banda do Jaraqui neste sábado (28), no Ao Mirante Club, localizado no bairro Santo Antônio. “Faixinha Geral”, de Léo Santos, obteve o primeiro lugar concorrendo com outras sete composições.
O segundo lugar foi para “Manda quem pode e quem manda é a Facção”, de Celestina Maria, e o terceiro lugar para “Seu Zé”, de Deocleciano Souza. O organizador do Festival, Paulo Onofre, disse “pese a crise e falta de patrocinadores da cultura local continuamos com a tradição de carnaval de rua em família, destacando sempre aos artistas, compositores e cantores da região”.

“Muito contente com o primeiro lugar, com a organização, com crescimento deste festival que a cada ano melhora, Paulo Onofre devia ter mais apoio, senhor Robério Braga. Você é um cara sensível. Senhor Arthur Virgílio Neto, você é um cara sensível. Por que não apoiam a cultura amazonense? Este festival se realiza pelo esforço do Paulo que com tão pouco dinheiro fez disso uma realidade. Quero pedir a todos os políticos e as pessoas que apoiem a nossa cultura e o retorno das marchinhas no carnaval”, salientou o vencedor do festival, Léo Santos.

Para um dos integrantes da Banda Jaraqui e compositor da musica “Seu Zé” que recebeu o terceiro lugar no III Festival de Marchinhas, Adal “é importante este tipo de eventos culturais não apenas para reforçar a cultura local, mas pela mensagem ao povo brasileiro e os políticos protestando pela situação atual do país”.

“Na minha opinião o esforço para realizar este Festival, vingou, o resultado esta aí, como jurado tive a oportunidade de ver as letras e apreciar cada musica, e embora as letras tenham um conteúdo importante a gente qualificou como marchinha e todos coincidiram elegendo o ganhador”, disse o Jornalista, artista e jurado do III Festival de Marchinhas, Jersey Nazareno.

Faxina Geral

“Chegou o carnaval. Pega o confete e a serpentina. Depois pega a vassoura, o detergente e a creolina que é para limpar de vez com o diacho propina, porque toda sujeira só acaba com faxina.
Seu Sérgio Moro não é mole não. Limpar com lava jato a sujeira desse chão. Pode ser no Amazonas ou em Santa Catarina, a roubalheira só acaba com faxina. Eu não posso mais ver tanto ladrão, politico roubando, tanta corrupção, vamos fazer uma faxina geral para acabar de vez com essa praga nacional”.

O III Festival de Marchinhas da Banda do Jaraqui foi apresentado pelo artista Pedro Ribeiro, tendo como jurados Edilson Santana, Cileno Conceição, Ranildo Balieiro, Ruy Machado e Jersey Nazareno e contou com o apoio do Bar do Caldeira, Ao Mirante Club, Amazon Lab, Força Sindical e Clinica do Celular. O organizador do Festival, Paulo Onofre, informou que a premiação será no próximo dia 18 de Fevereiro. (Mercedes Guzmán)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Powered by keepvid themefull earn money